Madre Teresa de Calcutá será canonizada em 4 de setembro



O Papa Francisco anunciou, na manhã desta terça-feira, 15, que Madre Teresa de Calcutá será canonizada em 4 de setembro. O anúncio foi feito durante Consistório realizado no Vaticano.

O Santo Padre também informou as datas para a canonização de outros quatro beatos. Em 5 de junho: Estanislau de Jesus Maria (João Papczyński) e Maria Elisabeth Hesselblad. Em 16 de outubro:  José Sánchez Del Río e José Gabriel Del Rosario Brochero.

Madre Teresa, batizada com o nome de Anjezë Gonxhe Bojaxhiu, nasceu em 1910, em Skopje, atual capital da Macedônia, e faleceu em setembro de 1997. João Paulo II a beatificou em 19 de outubro de 2003.

A Fundadora das Missionárias da Caridade, na Índia, e prêmio Nobel da Paz em 1979, Teresa se dedicou aos pobres e doentes de hanseníase trabalhando nas ruas de Calcutá sempre com seu sari (veste típica indiana) branco debruado de azul, a imagem com que o mundo se habituou a vê-la.

A Congregação cresceu rapidamente e hoje conta cerca de 4,5 ml religiosas em mais de 130 países, nos quais mantém cerca de 700 casas dedicadas a ajudar os mais desfavorecidos.

‘Milagre brasileiro’


O milagre que abriu caminho para a canonização de Madre Teresa de Calcutá – atestado pela Congregação das Causas dos Santos – é atribuído à intercessão da Beata no caso de um homem brasileiro de 35 anos, afetado por uma grave doença no cérebro que se curou de uma forma inexplicável em 2008.



publicado em 15/03/2016 23:00:53.


Voltar

Vale a pena ver de novo

Onde estamos

Rua Professor João Machado, 856
Freguesia do Ó,
São Paulo,
Brasil

Email: bjpassos@uol.com.br

Facebook